Aveiro

É longa a história desta pequena cidade, outrora um grande porto de mar. Foi uma cidade muito próspera nos séculos XV e XVI graças ao sal e à pesca do bacalhau praticada na Terra Nova.

Aveiro é cortada por uma série de canais o que a torna numa das cidades portuguesas mais originais. A cidade continua a explorar as salinas, os prados, os arrozais e os campos alimentados pelas algas. A pesca continua abundante mas a principal riqueza da região é de origem industrial (fabrico tradicional da porcelana, fábrica de celulose, conservas de peixe, estaleiros navais e siderurgia).

Aveiro é capital do distrito que inclui os seguintes concelhos: Águeda, Albergaria-a-Velha, Anadia, Arouca, Aveiro, Castelo de Paiva, Espinho, Estarreja, Ílhavo, Mealhada, Murtosa, Oliveira de Azeméis, Oliveira do Bairro, Ovar, Santa Maria da Feira, São João da Madeira, Sever do Vouga, Vagos, Vale de Cambra.

 

O artesanato

Na Costa de Prata as miniaturas ocupam uma posição destacada no artesanato regional. Podem ser em cerâmica, em pano ou em madeira. Em Aveiro são típicos os pequenos moliceiros como réplicas dos barcos que navegam na Ria. De Mira são características as miniaturas de barcos de pesca xávega e de carros de bois. No distrito destacam-se ainda a porcelana e cerâmica, a cestaria, a tecelagem, o ferro forjado, a pintura em faiança, a fundição em areia, a latoaria, a tanoaria, as rendas, os trabalhos em cobre, xisto e lousa, a tapeçaria, e a pintura em azulejo. 

 

A visitar

Pedras parideiras – Arouca

Reserva Natural das dunas de São Jacinto – São Jacinto

Frecha da Mizarela – Serra da Freita

Castelo de Santa Maria da Feira

Mata Nacional do Buçaco – Luso


Carrinho  

Sem produtos

Portes 0,00 €
Total 0,00 €

Carrinho Encomendar